ASSINE NOSSO NEWSLETTER:

Posts

ARQUIVOS


TAGS



Você não gosta de cozinhar? Vamos conversar.

shutterstock_400032526

Antes de começarmos essa conversa, pense: quanto você já gastou no último mês em restaurantes, lanchonetes e fast food? Se você somar tudo vai se surpreender. Agora pense em quais nutrientes você ingeriu nesses lugares. Quanto de proteína, carboidrato, fibras? Quanto de gordura, açúcar, colesterol? Com quanto carinho esses alimentos foram produzidos?

Cozinhar é ser dono do próprio corpo. É decidir de verdade o que entra e o que não entra na sua digestão. Quando você cozinha dá pra saber exatamente a qualidade dos ingredientes e do preparo. E não se preocupe se você leva jeito ou não: jeito se adquire com prática. Nada mais!

Quando cozinhamos nossa relação com a alimentação muda radicalmente. O paladar aceita melhor algumas novidades, o excesso de gordura dá lugar aos deliciosos refogados e você naturalmente se alimenta melhor, sem sofrer. E tem mais: você vai aprender a identificar os ingredientes de qualquer prato que comer, mesmo sem ter acompanhado o preparo.

Aí vem a parte que todo mundo gosta: economia. Tudo bem que o supermercado não está lá tão barato assim. Mas lembre-se que os restaurantes sempre vão repassar o aumento com margem de lucro pro seu prato. Você vai perceber a economia já no primeiro mês. E que tal usar essa economia toda pra visitar restaurantes novos, que você ainda não conhece? Assim você terá sempre novas inspirações para arriscar em casa.

Pra finalizar, vamos falar de prazer? Pode acreditar: cozinhar é uma terapia. Pode ser chato no começo, quando você vai levar um bom tempo pra cortar a cebola. Mas com o passar do tempo você vai querer ficar horas e horas experimentando misturas, novos temperos e outros modos de preparar o mesmo prato. Vamos tentar?